Robocraft - Esquadrão "Morri"!

Peruano Suspeito de Matar Menina e Guardar Corpo em Caixa Térmica

O corpo da menina de 6 anos estava dentro de um cooler box (caixa térmica) escondido no carro

O corpo da menina de 6 anos estava dentro de um cooler box (caixa térmica) escondido no carro

Não há outra notícia, pelo menos na Província de Mie, que cause tamanho espanto. Ainda que estemos relativamente acostumados a ouvir histórias sobre japoneses que cometem crimes hediondos, ontem a coisa tomou uma proporção maior.

Por volta das 14h30 desta terça, policiais encontraram o corpo de uma menina dentro de uma caixa térmica no Sasagawa Danchi, um conjunto de prédios na cidade de Yokkaichi onde muitos estrangeiros vivem.

Siga nossas redes sociais
YouTubeInstagram - Facebook - Twitter

A caixa estava acomodada no banco traseiro do veículo de Fernando Jose Valero Tokuda, no estacionamento em frente ao prédio de apartamentos. Dentro, jazia o corpo de uma menina, filha de sua companheira. Sem roupas e enrolado em um cobertor, dentro da caixa, o cadáver provavelmente passou 10 dias escondido ali (segundo o jornal japonês Asahi).

Segundo fontes, a mãe da criança e companheira do suspeito é brasileira e está internada num hospital para dar a luz. Tudo indica que o peruano, apesar de não ser o pai da menina assassinada, é pai do bebê prestes a nascer.

Levado pelos policiais para depoimento, sob suspeita de omissão de cadáver, segundo o jornal Mainichi, ele foi preso e confessou o crime. “Não há dúvida, fui eu que escondi o corpo. Não sabia o que fazer”, teria supostamente dito ele em depoimento.

A polícia acredita que a menina tenha sido morta há mais de 1 semana e sua mãe só notou que havia algo errado quando o companheiro visitá-la no hospital e não levou a enteada. Ele teria dito que a criança estava imobilizada. Desconfiada, ela pediu para uma pessoa do hospital avisar a polícia. A menina encontrada morta era sua segunda filha.

Confira a reportagem (em japonês):


Siga nossas redes sociais

Comentários