Sete Anos de Cadeia Por Jogar Pokémon GO em Igreja Russa

Um YouTuber russo pode encarar a prisão por sete anos, após jogar Pokemon Go dentro de uma igreja

Um YouTuber russo pode encarar a prisão por sete anos, após jogar Pokemon Go dentro de uma igreja na Rússia.


Ruslan Sokolovsky, um vlogger popular com mais de 300.000 inscritos, filmou-se jogando dentro da Igreja de Todos os Santos em Yekaterinburg, no auge da popularidade do jogo (agosto do ano passado).

O vídeo, que agora tem 1,6 milhões de visualizações no YouTube, foi considerado "extremista". As autoridades locais o acusaram de incitar o ódio e ofender a sensibilidade religiosa, e o detiveram por dois meses.

Seu julgamento começou nesta segunda-feira e, se condenado, ele enfrentará até sete anos e meio na prisão. Em vídeo, Sokolovsky referiu-se à notícias que alertam que os jogadores seriam presos por jogarem na igreja - e fez exatamente o que as advertências disseram para não fazer.


Siga nossas redes sociais

Ele disse: "Eu decidi pegar alguns Pokémons na igreja. Acredito que é seguro e não é proibido por lei".

O vídeo em questão é esse aqui:


Sokolovsky, que foi comparado à revista satírica francesa Charlie Hebdo pela imprensa internacional, mais tarde fez uma série de vídeos de acompanhamento para falar sobre a reação, que foram utilizados também pelos meios de comunicação russos. O prefeito de Yekaterinburg afirmou que "você não pode prender um homem por ser estúpido".

Falando ao tribunal na segunda, Sokolovsky disse que não tem intenção de pedir desculpas pelo vídeo ou pedir perdão à Igreja Ortodoxa Russa. "A Igreja Ortodoxa Russa está pedindo um arrependimento público. Não vejo por que devo me arrepender diante de uma organização que não gosto", disse Sokolovsky através do Moscow Times.

Leia tudo sobre Pokémon GO aqui

No entanto, ele acrescentou que aceitaria se a igreja o pedisse para trabalhar em uma de suas instituições de caridade como uma forma de punição "porque eu estaria ajudando pessoas específicas e não a Igreja".

Ele também disse que está pronto para pedir desculpas a Indivíduos se suas ações os ofendiam.

Enquanto isso, você pode assistir uma partida de Pokémon GO aqui no Japão, que é um país bem mais seguro e livre (contando, inclusive, com várias PokéStops dentro de templos religiosos):


Siga nossas redes sociais
YouTubeInstagram - Facebook - Twitter

Texto: Renato Brandão
Edição: Pocket Hobby