Robocraft - Esquadrão "Morri"!

Transportes no Japão: uma questão de mobilidade - Hobby Trip

 Pocket Hobby - www.pockethobby.com - #HobbyTrip - Transportes no Japão

Uma questão de mobilidade

Muitas viagens de turismo são, também, oportunidades únicas de presenciar a rotina de uma grande metrópole, com todas as vantagens e atropelos. Turistas são os que mais “sentem na pele” os problema de lugares extremamente povoados, como Nova Iorque, Londres ou Tokyo, verdadeiros “caldeirões efervescentes” de culturas, com pessoas andando de um lado para o outro.

E todos sabemos que o mundo tem gente demais.

Geralmente, para explorar uma cidade no exterior, usamos o transporte de massa oferecido pela própria cidade - sai muito mais barato que alugar um carro, rende memórias interessantes e evita a dor de cabeça que é enfrentar o tráfego de metrópoles infladas.

Contudo, ao planejar sua viagem a Tokyo, você provavelmente irá se deparar com isso:



Publicado em 2008 (e gravado provavelmente décadas antes disso), esse vídeo é usado como “exemplo” da superlotação dos trens japoneses. Talvez você já tenha ouvido sobre isso em algum podcast, já tenha visto a cena em programas de humor... Portanto "sorria, você está sendo enganado!"

Não funciona mais assim.

Como em toda falácia, basta uma pesquisa para desmistificar o engodo – pois é totalmente possível, no Japão, manter sua dignidade e dividir o mesmo vagão com dezenas de desconhecidos sem ter seu celular furtado nem ser "encoxado" por alguém. Em Shinjuku, por exemplo, a estação mais cheia do mundo, os trens circulam com precisão cirúrgica suíça (de dois em dois minutos), ainda que sob condições climáticas desfavoráveis.


Estive em Tokyo três ou quatro vezes a passeio, sempre descobrindo uma coisa nova aqui e ali – incluindo a lista onde 82 das 100 estações de trens mais movimentadas do mundo são japonesas. Contudo, a “sensação de segurança” que se têm na cidade é inatingível em qualquer outro lugar.

Portanto, se você está acostumado a estações lotadas, gente se estapeando, desrespeito, funkeiros (estou sendo redundante?), furtos e depredações dentro dos ônibus, trens e metrôs, é hora de rever seus conceitos e se perguntar: “onde estamos errando?”.

Pocket Hobby - www.pockethobby.com - Transporte no Japão
Ou isso aqui não é um absurdo?!

Gostou? Deixe sua opinião!

 Pocket Hobby - www.pockethobby.com - #HobbyTrip
POST RELACIONADO
 Pocket Hobby - www.pockethobby.com - #CulturalShock
POST ANTERIOR



Comentários